Sinalizasom

postado em: Invenções | 0

O inventor gaúcho Carlos Boanova Neto tem uma proposta diferente para auxiliar os deficientes visuais a circular com segurança pelas grandes cidades: um controle remoto semelhante a um alarme de carro. O representante comercial aposentado desenvolveu um equipamento que “fala” com o deficiente, informando a localização de semáforos e paradas de ônibus. Um protótipo do equipamento, chamado Sinalizasom, está sendo testado em um semáforo no centro de Florianópolis, em Santa Catarina. Seu funcionamento é simples. Ao se aproximar de uma esquina ou de um possível obstáculo, o deficiente visual aciona o controle remoto.

Ao receber o sinal, um equipamento instalado em semáforos, paradas de ônibus ou telefones públicos aciona uma gravação informando a localização do deficiente e se ele pode atravessar a rua com segurança. “O deficiente pode ter acesso a sinaleiras, pontos de ônibus, táxis e sanitários públicos”,explica o inventor. A patente PI 0001704-3 refere-se a sistema de auxílio ao pedestre deficiente visual, o qual é integrado à sinalização já existente, atuando sob o controle integral e exclusivo do deficiente, enviando um conjunto de mensagens em dois estágios, respectivamente localização e liberação, possibilitando a travessia e identificação das ruas onde o usuário estiver, de modo seguro, eficiente e trazendo independência ao usuário.

Fonte: Transito Brasil